quarta-feira, 23 de janeiro de 2019

Baianas Ozadas lança tema do carnaval 2019 com festa neste sábado

Geo Cardoso garante a alegria nos shows do Baianas Ozadas
Foto: Netun Lima
No dia 26 de janeiro, A Fábrica recebe os foliões amantes do bloco para a celebração de lançamento do tema do carnaval numa festa que contará com ensaio da bateria, ala de dança, infantil e show de encerramento com a banda oficial do Baianas

Orgulhosamente, o Baianas Ozadas anuncia que o carnaval de 2019 será em homenagem aos 40 anos de fundação do bloco afro, Olodum. E para celebrar o lançamento junto aos foliões mineiros, o bloco fará neste sábado, dia 26 de janeiro, o primeiro evento direcionado ao público do Baianas Ozadas em 2019. A partir das 09h da manhã, a ala de dança, ala infantil e bateria estarão reunidas n'A Fábrica (Av. Tereza Cristina, 295 - Prado, Belo Horizonte – MG) para uma grande festa com direito a show de encerramento comandado pela banda oficial do Baianas. Os ingressos para cair na folia estão à venda na lojas da Central dos Eventos ou através do site www.centraldoseventos.com.br pelo valor de R$10, válidos no primeiro lote.

Criado em 1979, o Olodum do Pelô, como é chamado carinhosamente pelos baianos, também é reconhecido como a maior banda percussiva do planeta. O ritmo samba-reggae, originado no seio do grupo pelo saudoso mestre Neguinho do Samba, contagiou o mundo e encantou artistas internacionais como Paul Simon e Michael Jackson, que fizeram questão de gravar com o grupo no Brasil. O cineasta Spike Lee foi outro ícone internacional que se rendeu ao som envolvente da banda, quando dirigiu o clipe da música "They Don't Care About Us", gravada em 1995 nas ladeiras do Pelourinho e uma pequena parte no Morro Dona Marta, no Rio de Janeiro.

Assim como o Baianas Ozadas, o Olodum surgiu de uma simples brincadeira carnavalesca, e o que era para ser apenas uma opção de lazer momentânea para os moradores do Maciel-Pelourinho, ganhou o mundo e o mercado musical se transformando numa das bandas percussivas de maior expressão e representatividade cultural. 40 anos depois, a diáspora afro-baiana, suas heranças e herdeiros se encontram no carnaval que mais cresce no Brasil. É que em 2019, o bloco do coração de BH, Baianas Ozadas, ganhará novas cores e reforçará sua baianidade numa transformação de expressão viva do carnaval de Salvador nas ruas centrais de Belo Horizonte.

As cores que representarão o bloco também não foram escolhidas ao acaso. O verde, vermelho, amarelo e o preto, característicos do Olodum, estarão presentes nos vestuários autênticos que vão de saias à turbantes, balangandãs e pinturas corporais do Baianas Ozadas. Todas juntas formam a base do Pan-Africanismo, e são cores que constituem numa identidade internacional contra o racismo e a favor dos povos descendentes da África. Além do visual, o carnaval dos mineiros representará a Bahia na irreverência da musicalidade e no ritmo da banda e percussão que prometem sacudir os foliões atrás do trio ao som de clássicos do axé music.

Identidade visual: Fael Primeiro

Como já é uma tradição desde 2015, a cada ano um artista visual é convidado pelo Baianas Ozadas para conceber a identidade visual do carnaval do bloco. Para 2019, o responsável por dar vida ao tema escolhido foi o artista plástico baiano, Fael Primeiro. Oriundo da cultura do grafite e músico, Fael usou toda as suas referências religiosas de matrizes africanas aliada a arte para desenvolver o projeto que customizará a homenagem do Olodum nos uniformes do bloco mineiro. Muitos painéis pintados pelo artista estão espalhados pela capital baiana. Já a ilustração feita por Fael Primeiro para o carnaval do Baianas Ozadas remete ao faraó Tutancâmon, um jovem rei do Antigo Egito. Representado em diversos carnavais durante os seus 40 anos de trajetória, a proximidade do Olodum com o Egito, enquanto civilização negra africana que influenciou muito o ocidente, aconteceu de forma tão extraordinária que na folia de 1987 o desfile projetou a música "Faraó Divindade do Egito", marcando época para sociedade baiana.

Workshop DNA Samba Reggae

No dia 29 de janeiro, às 19h, o Baianas Ozadas vai promover um workshop percussivo com o músico Anderson do Samba Souza. Residindo na Europa, mais propriamente na Itália, Anderson Samba participa de diversos eventos entre festivais, seminários e workshops pelo mundo promovendo a música baiana e, principalmente o samba-reggae. Filho do saudoso mestre de percussão do Olodum, Neguinho do Samba, considerado por muitos o criador do samba-reggae, Anderson carrega o legado do pai e atualmente dialoga com o estilo e demais ritmos afro-baianos numa mistura de sons internacionais e principalmente de origem africana. Toda essa cultura e gingado será apresentada em uma aula que promete reforçar ainda mais a baianidade dos integrantes do bloco.

Desfile do Baianas

Com o tema "Avisa lá! Baianas Ozadas vai de Olodum, BH!" o desfile será realizado na segunda-feira de carnaval, dia 04 de março, com concentração marcada a partir das 09h. O percurso inicia na Av. Afonso Pena, próximo da Igreja São José, e finaliza no final da tarde na Praça da Estação. Em 2018, o bloco arrastou mais de 650 mil foliões atrás do trio, e para este ano a folia promete ser ainda maior já que os ensaios de verão estão a todo vapor. Interessados em conhecer a agenda completa do Baianas Ozadas, acesse as redes sociais oficiais do bloco.

Facebook: http://www.facebook.com/baianasozadas

Instagram: @baianasozadas

Festa de lançamento do tema do carnaval 2019 do Baianas Ozadas

Data: Sábado, 26 de janeiro

Horário: De 9h às 17h

Local: A Fábrica (Av. Tereza Cristina, 295 - Prado, Belo Horizonte – MG)

Ingressos: R$10,00 (1º Lote)

PROGRAMAÇÃO:

9h: Ensaio ala de DANÇA com o prof. Cristiano Ribeiro

9h: Ensaio ala infantil OS BAIANINHAS com Geovanne Sassá

10h30: Ensaio da BATERIA OZADA com participação de cantores e ala de dança

14h: Show de encerramento com banda BAIANAS OZADAS

Classificação: Livre

Vendas: Central dos Eventos

Lojas Físicas ou site www.centraldoseventos.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário