terça-feira, 2 de outubro de 2018

“2001 - Uma Odisseia no Espaço”, será exibido com trilha sonora ao vivo em comemoração aos 05 anos do Cine Theatro Brasil Vallourec



Filme terá apresentação especial para o público de BH
Foto: Parkcircus.com
Referência cultural e arquitetônica no centro da capital mineira, o Cine Theatro Brasil Vallourec completa 5 anos.  Para comemorar o aniversário desse espaço que tem grande relevância na história de Belo Horizonte, o Cine Brasil exibe, no dia 09 de outubro, terça-feira, às 20 horas o cinquentenário “2001 – Uma Odisseia no Espaço”, de Stanley Kubrick. O longa é um clássico de um dos maiores cineastas da história do cinema mundial. O evento, denominado Uma Odisseia no Cine Brasil, vai acontecer no Grande Theatro Unimed-BH, com capacidade para 1.000 pessoas e ainda conta com trilha sonora ao vivo, executada pela Orquestra Opus e o Ars Nova – Coral da UFMG.

O polêmico 2001, que marcou a história do cinema, completa 50 anos. Por isso, a escolha em exibir essa obra  atemporal, principalmente pela forte provocação reflexiva. "Nada mais justo que celebrar os 5 anos de reabertura do Cine Brasil com uma Mostra de Cinema, afinal esta casa foi  precursora das grandes produções cinematográficas na cidade. Para celebrar este momento, é oportuna a escolha do diretor Stanley Kubrick, uma que vez esta obra completa 50 anos. Trata-se de um filme de referência para o cinema, pois concilia  de forma incomparável, diferentes e icônicas peças musicais, magníficos efeitos especiais e uma visão de futuro e de mundo até hoje intrigantes e atuais", explica a gestora de planejamento e ação cultural do Cine Theatro Brasil Vallourec, Sandra Campos.

Escrito por um dos mais cultuados autores de ficção científica da época Arthur C. Clarke, o filme exibe a trajetória da humanidade começando em  nossos ancestrais, mostrando sua existência e sobrevivência, transpondo-se para a experiência humana e a sua relação com a tecnologia de ponta. Em seguida, o contato com a inteligência artificial e depois a sua relação com o espaço e o tempo, em uma viagem em que um astronauta interage consigo mesmo no presente, passado e futuro.

No ano seguinte ao seu lançamento, “2001 – Uma Odisseia no Espaço” conquistou a estatueta ganhando o Oscar de “Melhores Efeitos Visuais” tendo também outras três indicações: “Melhor Direção”, “Melhor Direção de Arte” e “Melhor Roteiro Original”. Para Clarke o  filme não é para ser de fácil entendimento e sim algo que as pessoas saíssem da sala do cinema para pensar, refletir, questionar. Ao lado de Clarke, Kubrick quis provocar de forma incômoda, a reflexão sobre a existência e o futuro do homem.

Com uma personalidade sempre presente em suas obras, mas nunca repetitivo, Kubrick era extremamente perfeccionista focado no que acreditava ser melhor para uma produção de muita qualidade. “Kubrick foi um homem que viveu para o seu próprio cinema, que travou com ele uma dolorosa, mas fascinante luta em busca da perfeição e da excelência forma e estética”, escreveu Rafael Ciccarini, curador do evento e da Mostra de Cinema para o site Cinema em Cena.

Mostra de Cinema em novembro

Para os fãs de Kubrick e os curiosos pela obra do cineasta, o Cine Theatro Brasil Vallourec vai exibir, no mês de novembro, no Teatro de Câmara, com capacidade para 200 pessoas, outros 16 filmes, sendo 12 longas e 4 curtas, pouco conhecidos por muitos. Dentre eles, Spartacus, Lolita, Laranja Mecânica e O Iluminado e outros clássicos e os curtas: O Dia Luta, The Seafarers, Medo e Desejo e O Padre Voador. Toda a obra de Kubrick vai ser exibida com muita qualidade audiovisual sem desapontar os cinéfilos.

As exibições fazem parte da Mostra “Uma Odisseia no Cine Brasil: O Cinema de Stanley Kubrick que vai acontecer de 17 a 23 de novembro. Um curso com carga horária de 8 horas e sessões comentadas para todos os filmes também fazem parte da programação. Agenda completa e inscrições serão divulgadas em outubro pelo: www.cinetheatrobrasil.com.br.
Concurso de Fotografia
Como parte das atividades de comemoração dos 5 anos, o Cine Theatro Brasil Vallourec promove um concurso de fotografia digital para registrar a fachada, áreas externas e internas do Cine. Há premiação e exposição virtual e coletiva  das imagens, além da publicação do material em um livro comemorativo. Saiba como participar pelo edital disponível em www.cinetheatrobrasil.com.br.

O novo Cine Brasil

Após minuciosa reforma e revitalização dos seus 8,3 mil m² de área construída, o Cine Brasil, como é carinhosamente conhecido pelos belo-horizontinos, deixou de ser apenas cinema para ser um espaço cultural multiuso. A partir de 2013 ele passou a receber atividades teatrais, musicais, artísticas e a exibir filmes em mostras anuais. Desde a reinauguração, que contou com exposição dos monumentais painéis “Guerra e Paz”, de Cândido Portinari, o novo Cine já recebeu cerca de 1 milhão de pessoas, nos últimos 5 anos.

Sobre a história e arquitetura
Primeiro prédio da cidade e considerado o maior cinema de América Latina sob a influência do estilo Art Déco, o edifício foi projetado pelo arquiteto Alberto Murgel e inaugurado na Praça Sete em 14 de julho de 1932. Um marco na arquitetura provincial de BH. Inspirado na arquitetura francesa, com volumes geométricos bem definidos, pouca ornamentação, vitrais de ferro e vidro martelado e revestimento das fachadas em pó de pedra, a construção também foi pioneira na utilização de concreto armado, importado da Inglaterra.

Durante alguns anos, o Cine Theatro Brasil foi o prédio mais alto de Belo Horizonte. O fascínio por conhecer a cidade do alto era tamanho que as pessoas pagavam ingresso para visitar o terraço, de onde se avistava toda a Serra do Curral. Seu estilo arquitetônico abriu caminho para novas edificações nas duas décadas seguintes. Os edifícios Ibaté (Rua São Paulo), Capixaba (Rua Rio de Janeiro), o Centro dos Chauffeurs (Rua Acre) e as sedes da Prefeitura Municipal e dos Correios (Av. Afonso Pena) são bons exemplos. Essa tendência fez com que Belo Horizonte se tornasse uma das cidades brasileiras de referência no estilo Art Déco.
Características:
· 8,3 mil m2 de área construída
· 7 pavimentos (altura correspondente a 11 andares)
· Teatro principal para 1 mil lugares
· Teatro menor para 200 lugares
· Duas galerias para exposições de artes visuais
· Salão multiuso para eventos com até 650 pessoas
Uma Odisseia no Cine Brasil | Aniversário de 5 Anos
Data: 09 de outubro  (terça, às 20 horas)
Local: Grande Teatro Unimed BH - Cine Theatro Brasil Vallourec
Endereço: Praça Sete - Belo Horizonte – MG
Ingressos: INTEIRA - R$ 10,00 | MEIA - R$ 5,00

O Cinema de Stanley Kubrick | Mostra Uma Odisseia no Cine Brasil
Data: 17 a 23 de novembro
Local: Teatro de Câmara - Cine Theatro Brasil Vallourec
Endereço: Praça Sete - Belo Horizonte – MG
Ingressos a partir de outubro: INTEIRA - R$ 10,00 | MEIA - R$ 5,00
Vendas:
Bilheteria Cine Theatro Brasil Vallourec ( Av. Amazonas, 315 – Centro)
Loja Eventim (Shopping 5ª Avenida: Rua Alagoas 1314 - Loja 20C– Savassi). Sujeito a taxa de conveniência.
Informações: (31) 3201-5211 – www.cinetheatrobrasil.com.br  

Nenhum comentário:

Postar um comentário