segunda-feira, 13 de fevereiro de 2017

Juliano Cezar anuncia Explosion Music Como seu Novo Escritório

Artista é considerado como o pai da música country sertaneja
Foto: Fábio Nunes
Conhecido como Cowboy Vagabundo e considerado o pai da música country sertaneja, Juliano Cezar acaba de anunciar uma importante parceria para 2017. Desde janeiro, o cantor faz parte do cast exclusivo da Explosion Music. 

O novo escritório artístico ficará responsável por todo o gerenciamento de carreira de Juliano, atuando no modelo 360° de gestão de negócios - além de auxiliar o cantor em todo o direcionamento artístico, a Explosion atuará, também, na venda de shows e logística. 

O anúncio desta nova parceria foi feito há pouco pelo próprio artista em suas redes sociais e veio acompanhado de outra excelente informação, esta, voltada para os fãs: o Cowboy Vagabundo já deu o pontapé inicial na turnê Minha História, que divulga o DVD homônimo comemorativo de 30 anos de carreira - que chegará em breve às lojas de todo o Brasil.. "Este ano pretendo passar pelas principais capitais do Brasil para cantar os meus grandes sucessos de carreira. Atualmente, estou nas rádios com a música Modo Raparigueiro, que tem a participação especial de Bruno & Barretto e estamos muito felizes com o retorno dos fãs. A música caiu na boca da galera", comemora Juliano.

Veja o anúncio na íntegra: https://www.instagram.com/p/BQQz4E0jxsl

 SOBRE JULIANO CEZAR

Modo Raparigueiro estará no DVD Minha História, que comemora três décadas de estrada de Juliano Cezar e será lançado no início de 2017. O projeto foi gravado ao vivo em 19 de outubro, no Quinta Linda, em Ribeirão Preto, e trará músicas inéditas e grandes hits de carreira. Além da participação especial de Bruno & Barretto, Minha História também trará César Menotti & Fabiano, Eduardo Costa, Matogrosso & Mathias e Rionegro & Solimões como convidados especiais. 

Juliano Cezar é conhecido nacionalmente como "Cowboy Vagabundo", título que ganhou ao gravar a música homônima. Em trinta anos de carreira, gravou 12 álbuns e 3 DVDs. Ele é dono de grandes hits da música popular, como Não Aprendi Dizer Adeus, Rumo à Goiânia, Bem Aos Olhos da Lua, Faz Ela Feliz, entre outras.  Entre os grandes momentos de sua carreira estão as conquistas do Prêmio Sharp, de 1991, como cantor revelação e do troféu do Grammy Latino, em 2004, como melhor álbum romântico. 

SOBRE DVD "MINHA HISTORIA" 30 ANOS DE CARREIRA - JULIANO CEZAR
Gravado em Ribeirão Preto, show contou com as participações especiais de Eduardo Costa, Matogrosso & Mathias, Bruno & Barretto, César Menotti & Fabiano e Rionegro & Solimões.

A noite do dia 19 de outubro de 2016 definitivamente entrou para a história da música sertaneja. Foi nesta data que o cantorJuliano Cezar eternizou a comemoração de seus 30 anos de carreira com a gravação do DVD Minha História, no Quinta Linda, em Ribeirão Preto (SP). O projeto chegará às lojas no início de 2017 e contará com a participação de outros grandes medalhões do gênero.
Assim que pisou no palco, Juliano Cezar mostrou a que veio e abriu o show com o matador pot-pourri de Bota Cinturão e Blue Jeans / Cowboy Vagabundo. "Não poderia ser diferente. O público que adquirir o Minha História terá uma experiência única da música country. Cowboy Vagabundo precisava abrir o show. O lugar dela é na ponta do setlist", explica o cantor. O mega hit foi seguido de Acordei Te Amando e Rodo Sem Borracha.

Entre uma música e outra, Juliano Cezar achou espaço para o romantismo. Dedicou as baladas Amo Você e My Love para a sua esposa, Andrea Mendes, que acompanhava o show da plateia. "Poucas vezes manifestei publicamente o meu lado romântico e a declaração foi espontânea. Não me incomodo que ela fique eternizada no DVD de 30 anos de carreira, afinal é um traço da minha personalidade" declara Juliano.

Juliano Cezar é o tipo de artista que faz amizades por onde passa. E essa característica fica clara em seu ambiente de trabalho. Todos os artistas que participaram da gravação do Minha História aceitaram prontamente o convite do "Cowboy Vagabundo". Segundo Rodrigo Costa, responsável pela direção musical, direção-geral e arranjos do projeto, as músicas do repertório já tinham o destino certo para cada convidado. "Ligamos para os cantores e passamos quais canções cantariam. Todos se apaixonaram de cara pela ideia e toparam na hora. Não tivemos nenhum questionamento por parte dos convidados", detalha.

A primeira participação especial registrada no DVD ficou por conta de Rionegro & Solimões, amigos de longas datas de Juliano. Juntos, eles cantaram KM 45 e Rumo a Goiânia e levaram a plateia ao delírio. É uma honra participar deste projeto que contará a história de Juliano Cezar, gostamos demais dele. "Não só nós, como todo mundo do meio artístico", declara Rionegro.

Quando a banda começou tocar a clássica introdução de Não Aprendi Dizer Adeus, Eduardo Costa surgiu no palco para dar um abraço em seu grande ídolo, Juliano Cezar, e juntos, fizeram um grande dueto. "Sempre fui fã dele. Vejo muita verdade em sua carreira e ele sempre acreditou na sua música. Sempre levantou a bandeira do country sertanejo. Fiquei lisonjeado em participar desta comemoração", parabeniza Eduardo Costa.
Mas as grandes participações não pararam por aí. Juliano Cezar recebeu, também, Matogrosso & Mathias e César Menotti & Fabiano. Com a primeira dupla, o artista cantou Sonhando Com Você. Já com os irmãos, Juliano interpretou os clássicos Talismã, Solidão e Amargurado. "Juliano tem uma voz com muita personalidade e é um grande talento. Que Deus o abençoe com mais 30 anos de carreira", disse o amigo Matogrosso. "Fazer parte desta grande festa é muito gratificante para nós. Cantamos grandes clássicos da música com o toque country sertanejo de Juliano. Foi lindo", completa César Menotti.

Modo Raparigueiro é o primeiro single do Minha História. A faixa, que ganhou sua versão ao vivo, traz a participação especial de Bruno & Barretto (assim como a versão oficial, de estúdio) e foi lançada nesta quarta-feira, 09, no YouTube oficial de Juliano Cezar. "A ideia é deixar o público curioso e com gostinho de quero mais. O clipe de Modo Raparigueiro traz um pouquinho do que será visto no projeto que sairá no início de 2017", adianta Juliano Cezar. "Participamos da versão de estúdio e cantar Modo Raparigueiro ao vivo com Juliano foi muito gratificante. Sem falar da honra que é participar da comemoração de 30 anos de carreira deste grande artista" concorda Barretto.

Para o projeto, Juliano Cezar gravou também quatro músicas inéditas: Eu Lambi o Chão, Pão de Queijo, Vai Ficar Me Olhando e Toca Aquela Moda. "Eu devo esses 30 anos de carreia ao modo como eu consigo me reinventar através do country sertanejo e das músicas inéditas. Estas faixas são importantes para que eu continue a criar grandes sucessos da música e não baseei a minha carreira apenas em músicas que já gravei", conta Juliano. "Quando ele me apresentou essas faixas, não tive como negar a inclusão delas no DVD. Juliano é um artista único e tudo que ele compõe vira hit automaticamente. Tenho certeza de que com essas não será diferente", completa Rodrigo.

É importante ressaltar que os preparativos para a gravação de Minha História começaram muito antes do que os fãs pudessem imaginar. Foi em meados de março que o maestro Rodrigo Costa se reuniu com o cantor para inciar a elaboração deste projeto. De lá para cá aconteceram diversos encontros e, pouco a pouco, o show foi se desenhando. Foram gravadas quase trinta canções e a escolha do repertório foi a parte mais difícil. A guia, é claro, foi baseada nos grandes sucessos de carreira do cantor. "Rodrigo foi a pessoa certa para este trabalho. No decorrer de minha carreira gravei com diversos produtores e ele conseguiu transformar os diferentes arranjos do setlist em uma unidade só. Todas as faixas do Minha História se intercalam perfeitamente", completa Juliano

"Foi uma grande honra assinar a direção executiva do DVD Minha História. Conheço Juliano Cezar há tempos e sou fã do talento e da carreira que ele construiu. O projeto traz um show que demonstra as principais músicas de sua estrada todas no estilo que ele sempre acreditou, o country sertanejo", diz o produtor executivo do projeto, Marcelo Camargo. 
Após esta escolha, Juliano apresentou o desejo de gravar em Ribeirão Preto, cidade que o acolheu desde o início de carreira e que sempre admirou demais o seu trabalho. "Não poderia ser em outro lugar. Sempre tive o sonho de registrar um show meu em Ribeirão e o resultado final ficou maravilhoso. Agradeço a Deus, minha equipe, ao público e aos meus amigos cantores que participaram desta comemoração", finaliza Juliano Cezar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário