terça-feira, 29 de janeiro de 2013

Banda Mole 2013 Traz Luiz Caldas a BH


Foto: Divulgação

Com o tema Mensaleiro não conta prosa na corte do Barbosa, tradicional bloco pré-carnavalesco agita a capital mineira no dia 2 de fevereiro

Em seu 38º ano, o tradicional bloco de pré-carnaval da Banda Mole promove sua festa no centro de Belo Horizonte. No dia 2 de fevereiro (sábado), das 13h às 22h, a Avenida Afonso Pena será transformada em uma grande folia, com entretenimento, consciência política, ecológica e cultural, regados a muito humor, descontração e animação. Serão 13 atrações que se revezarão nos trios elétricos e na avenida.

Este ano o tema da Banda Mole será Mensaleiro não conta prosa na corte do Barbosa, em referência ao trabalho do presidente do Superior Tribunal Federal, Joaquim Barbosa, na CPI do Mensalão. Ohomenageado de 2013 será o arquiteto Oscar Niemeyer, reconhecido por várias obras, incluindo o conjunto arquitetônico da Pampulha, que seguramente será um dos bonecões a desfilar na Avenida.

As atrações deste ano são para todos os gostos: Luiz Caldas, Bartucada de Diamantina, Aline Calixto, Zé da Guiomar, Orquestra Mineira de Brega, Magnatas do Samba, Fred e Marcelo, Fernanda Portilho, Banda do Bororó, Kome Keto, Papauê, Bateria Imperador e Bloco dos Catadores da Asmare.

A festa, que em 2012 recebeu 50 mil pessoas, será realizada entre as ruas da Bahia e Guajajaras e contará com estrutura tão boa quanto dos anos anteriores, viabilizada pela Lei Estadual de Incentivo à Cultura, pela Belotur e pela iniciativa privada, oferecendo cada vez mais conforto e segurança aos foliões.

Desde 2011, os criadores da Banda Mole contam com a experiente equipe da Cria!Cultura, especializada em eventos e projetos culturais de médio e grande porte. Com isso, foram ampliados os objetivos da festa, aperfeiçoadas a infraestrutura do desfile e de atendimento ao público e sua programação musical passou a contar com a participação de artistas locais e nacionais de vários estilos, transformando a Banda Mole num pré-carnaval multicultural mais adequado à presença da família e de pessoas de todas as idades.

Banda Mole
Fundada em 1975 por um grupo de rapazes egressos do bloco carnavalesco não mais existente, o “Leões da Lagoinha”, a “República Independente da Banda Mole”, associação lítera-etílica-carnavalesca sem fins lucrativos, teve como principal finalidade resgatar os velhos carnavais com desfiles populares em via pública, que deveriam ter sempre as seguintes características: gratuidade para quem quisesse participar, animação, crítica político-social e liberdade nas fantasias e trajes a serem usados no cortejo.

No primeiro desfile, a Banda Mole saiu com aproximadamente 100 pessoas animadas por uma banda de chão e instrumentos de sopro de dez elementos. Com o passar dos anos, tendo caído definitivamente no gosto popular, o desfile foi crescendo, chegando a levar às ruas, em 1995, 400.000 pessoas animadas por 14 trios elétricos, entre eles a banda baiana Araketu, maior atração nacional da época.

O desfile, que originalmente subia a Rua da Bahia, para garantir maior conforto e segurança aos foliões e menos impacto na vizinhança, teve, há oito anos, o seu trajeto transferido para a Avenida Afonso Pena, entre ruas da Bahia e Guajajaras, no centro de BH. Em 2004, por lei municipal, existe foi instituído o “Dia Municipal da Banda Mole”, o que deveria garantir o total apoio da prefeitura a sua realização.

Os organizadores da Banda Mole, que se revezam na presidência da entidade, são Luiz Mário “Jacaré” Ladeira e Helvécio “Gaiola” Trotta, hoje na casa dos 70 anos de idade, mas com a mesma disposição de brincar na Avenida quando fundaram o Bloco mais irreverente da cidade com outros 100 “invencíveis gauleses”.


BLOCO DE PRÉ-CARNAVAL BANDA MOLE
2 de fevereiro de 2013, das 13h às 22h
Local: Avenida Afonso Pena, entre as ruas da Bahia e Guajajaras
Entrada gratuita
Atrações: Luiz Caldas, Bartucada de Diamantina, Aline Calixto, Zé da Guiomar, Orquestra Mineira de Brega, Magnatas do Samba, Fred e Marcelo, Fernanda Portilho, Banda do Bororó, Come Keto, Papauê, Bateria Imperador e Bloco dos Catadores da Asmare.

Patrocínio: Governo de Minas e Skol
Apoio: Prefeitura Municipal de Belo Horizonte e Belotur
Gestão e Produção: Cria!Cultura
Realização: República Independente Banda Mole

Nenhum comentário:

Postar um comentário