segunda-feira, 17 de agosto de 2009

Exclusivo


Texto e foto: Ricardo Bello

Segunda-feira é dia de bate-papo aqui no Revista de Cultura. Nossa convidada de hoje é um avião ou melhor, um verdadeiro Cadillac. Conversamos com ela, a nova musa, Cléo Cadillac.

A afilhada da ex-Chacrete, Rita Cadillac, fala ao Revista de Cultura com exclusividade se vai continuar seu trabalho após a gravidez, comenta sobre seus filmes (que já chegaram fazendo sucesso nas locadoras) e outras coisas. Confira!

Revista de Cultura - Cléo, antes de ser artista o que você fazia?

Cléo Cadillac - Sou formada em jornalismo, mas antes da fama ajudava minha mãe a administrar uma confecção em Goiânia.

Revista de Cultura - A Rita Cadillac te deu apoio quando recebeu os convites para posar nua e fazer filmes?

Cléo Cadillac - Sim. Sempre me apoiou e aconselhou em todas as decisões.

Revista de Cultura - O que achou da experiência de fazer filme pornô? Sentiu prazer mesmo nas cenas? Ficou com vergonha?

Cléo Cadillac - A experiência foi estranha,nada fácil. Não senti prazer em momento nenhum, e senti muita vergonha.

Revista de Cultura - Gravou quantos filmes?

Cléo Cadillac - Dois.

Revista de Cultura - Depois que virar mamãe pretende continuar na vida artística?

Cléo Cadillac - Sim...vou dar um tempo. Mas,depois volto melhor ainda...(risos)

Revista de Cultura - Que tipo de música você gosta de ouvir?

Cléo Cadillac - Sou de Goiânia,né? Sertanejo...

Revista de Cultura - Tem algum cuidado especial com a alimentação ou come de tudo?

Cléo Cadillac - Como tudo que gosto, mas não abuso.

Revista de Cultura - O que gosta de fazer nas horas vagas?

Cléo Cadillac - Gosto muito de ler.

Revista de Cultura - Qual parte no seu corpo você mais gosta?

Cléo Cadillac -
Meu bumbum!

Revista de Cultura - Mande uma mensagem para os nossos leitores...

Cléo Cadillac - Obrigada pelo carinho que todos tem com a Rita e agora comigo. E peço um pouco de paciência quanto a minha gravidez.

Nenhum comentário:

Postar um comentário